Você está aqui
Home > Finanças > Comércio > Índice de vendas neste Natal dependerá de ações práticas

Índice de vendas neste Natal dependerá de ações práticas

 

compras2 2Com a economia desaquecida, comércio e consumidores terão que rever atitudes

A Confederação Nacional do Comércio de Bens e Serviços (CNC) revisou a expectativa de vendas do comércio varejista em 2015 para uma queda de 3,6%.  A projeção anterior, feita em junho deste ano a partir de estatísticas levantadas pelo IBGE, era de recuo de 2,9%.“Consumo ainda é impactado por reajuste de tarifas, taxas recordes de juros ao consumidor e queda histórica do nível de confiança”, analisou a entidade.

Isso pode ser considerado o reflexo de um ano de muitos escândalos na política, desconfiança do mercado externo e insegurança por parte dos investidores.

O contexto afeta diretamente os consumidores, que temerosos, preferem segurar o dinheiro a utilizá-lo em compras para as festas de fim de ano.

Contudo, alguns ajustes podem favorecer ambas as partes.

Para os consumidores, é importante que os comerciantes disponham-se a fornecer preços diferenciados nas compras à vista, em vez de parcelamentos sem juros. Além disso, descontos sobre mais de um item são sempre bem-vindos. Como tudo isso precisa ser de conhecimento público para gerar vendas, a divulgação das ofertas precisa ser ostensiva neste período que antecede o Natal.

Já para os empreendedores, é indispensável que os clientes escolham fazer compras regionalmente, ao invés de comprarem produtos dos magazines e fornecedores dos grandes centros comerciais e que não esperem que os preços baixem em janeiro para as compras.

“Se a compra é feita na própria cidade de origem do cliente, o dinheiro fica por ali mesmo. Circula não apenas entre os outros comerciantes, como vira benefícios para a comunidade através dos impostos recolhidos”, fala Isabella Nunes, gerente da coordenação de serviços e comércio do IBGE.

Tendo em vista a população de nosso município, não é difícil o cidadão aderir a uma campanha como essa, em Joanópolis.

Fazer compras no comércio local, negociando melhores preços e prazos, individualmente, é uma forma inteligente e sustentável de propiciar um Natal “gordo” para consumidores e comerciantes.

Afinal, como dizem os japoneses, “crise” é sinônimo de “oportunidade” e agindo em conjunto, beneficiaremos a todos.

Tribuna Portal
Tribuna Portal é uma mídia da KGS Comunicação&Marketing, que inclui o Tribuna da Cidade e a Tribuna Revista. Estância Turística de Joanópolis, SP, Brasil
http://tribunaportal.com

Deixe uma resposta

Top